Bem vindo a AOMETO

AOMETO integra colegiado de entidades e diz NÃO à MP 02 de Fevereiro de 2019

Depois de  participar de reunião no Palácio Araguaia  junto aos demais representantes dos servidores  Estaduais, a respeito da MP n°2,de fevereiro de 2019, o presidente da  Associação dos Oficiais Militares do Estado do Tocantins (AOMETO), cel Joaidson Albuquerque, participou do encontro de sindicalistas que ocorreu na tarde desta quinta-feira,7, no Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado do Tocantins (SINTET). 

Por unanimidade, a Medida Provisória foi rejeitada pelos sindicalistas, durante deliberação. Outro encaminhamento foi a manifestação coletiva à imprensa é à sociedade sobre o impasse, bem como a realização de mobilizações nas principais cidades do Estado.

Ainda de acordo com os sindicalistas, é necessário discutir e enfrentar a MP no ambiente da Assembleia Legislativa, promovendo o entendimento de que há caminhos mais justos e eficazes para o enquadramento do Estado no limite presencial da Lei de Responsabilidade Fiscais (LRF). 

Para o cel Albuquerque, as negociações com o governo do Estado, devem ser pautadas, nesse momento, de acordo com os benefícios pendentes às categorias. 

 

Ainda de acordo com o presidente da AOMETO, "o estabelecimento de metas a serem atingidas pelo Governo, o cumprimento de passivos com os servidores e a liberação de direitos já  vencidos, (progressão e gratificação de função)" também  devem incluir a lista de reivindicações a serem apresentadas ao poder Executivo. Outras informações serão divulgadas pelo colegiado de entidades que se reuniu na tarde de hoje.

IMAGENS

IMAGENS